clic e alimente os peixinhos

quarta-feira

EMPIRISMO

Oh delícia né realizar experiências, aula la fora eles adoram rsrsrs. exercitando o empirismo kkkkk



O empirismo é a escola do pensamento filosófico relacionada à teoria do conhecimento, que pensa estar na experiência a origem de todas as ideias. O nome empirismo vem do latim: empiria (experiência) e -ismo (sufixo que determina, entre outras coisas, uma corrente filosófica). Temos, assim, a “corrente filosófica da experiência”.

Ao longo de toda a história da filosofia, diversos pensadores abordaram a questão, dando importância ao conhecimento da experiência (da sensibilidade) ao invés de apenas ao intelectual. Entretanto, o principal defensor do empirismo foi John Locke (1632-1704), filósofo inglês.

A experiência, para Locke, não são as experiências de vida. Experiência para ele são as nossas sensações (sentidos). Ouvimos, enxergamos, tocamos, saboreamos e cheiramos. Cada um dos cinco sentidos leva informações para o nosso cérebro. Quando nascemos não sabemos o que é uma maçã, mas formamos a ideia de maçã a partir dos sentidos. Vemos a sua cor, sentimos o seu aroma, tocamos sua casca e mordemos a fruta. Cada uma dessas sensações simples nos faz ter a ideia de maçã. A partir da sensação, há a reflexão. Dessa forma, nossas ideias são um reflexo daquilo que nossos sentidos perceberam do mundo.

Com essa constatação, Locke afirma que, ao nascermos, somos como uma folha em branco. São, então, os sentidos responsáveis pelo preenchimento dessa folha.

...

http://www.mundoeducacao.com.br/filosofia/empirismo.htm

Nenhum comentário:

Postar um comentário

EXPECTATIVAS DE APRENDIZAGEM - FILOSOFIA

Demonstre conhecimento e familiaridade para com os autores ou clássicos da Filosofia necessários para a construção da argumentação filosófica; utilize-se de conceitos filosóficos para o desenvolvimento do pensamento e a organização da argumentação de uma maneira lógica; elabore e relacione argumentos para a intervenção nos problemas abordados, sabendo se posicionar e defender sua concepção, sem perder o respeito às concepções divergentes ou contrárias, que seja capaz de dialogar com os mais diferentes conceitos filosóficos; apresente um raciocínio lógico e criativo na resolução de problemas filosóficos; interprete e conheça os textos filosóficos.

As três peneiras de Sócrates

Trabalho realizado com alunos do 1D Noturno bloco A FILOSOFIA

ÈTICA

Atividades sobre os conteúdos trabalhos, ETICA/POLÌTICA 2º anos A, C